Desafio do Bem em prol do Hospital de Amor arrecada mais de oito mil reais


Nem o touro “Voltei Pra Te Ver” e nem o peão Leandro Henrique Machado. O grande vencedor do primeiro Desafio do Bem realizado na Facip Rodeio Show, pelo Hospital de Amor Jales, foi mesmo a solidariedade.

Ocorrido no último domingo, dia 22 de abril, o desafio estimulou os moradores e empresários da cidade de Jales e região a contribuir para que a instituição alcançasse a doação de R$ 8.338,70.

Para a gerente administrativa da unidade, Camila Venturini, o valor superou as expectativas. “Por ser nosso primeiro ano, ficamos muito felizes com a quantia alcançada. As pessoas se solidarizam com a causa e entende a real importância que esse Hospital tem para a cidade e para as pessoas que lutam contra o câncer.”, afirmou Camila.

Ao todo, foram mais de 20 voluntários envolvidos na ação. A gerente também ressalta a importância dessa participação. “Toda a contribuição é bem-vinda. Inclusive a dos voluntários, que se colocaram a disposição do Hospital nesse ato”, afirmou.

Segundo o diretor executivo da Gauri Eventos, Paulo Stoque, ao conhecer o trabalho que a entidade realiza foi impossível não ajudar. “Vimos à oportunidade de contribuir com a cidade e com a entidade de alguma forma, dentro daquilo que estávamos realizando. A segunda edição da Facip Rodeio Show já está agendada e em 2019 o Desafio do Bem deverá se repetir.”, finalizou Paulo.

O peão Leandro Henrique Machado, de Nova Esperança/PR, campeão nacional da EkipeRozeta 2017, fez 90 pontos em seu desafio, uma pontuação excelente sobre o touro. Durante a entrevista com o comentarista do Rodeio, ele contou que se sentiu honrado por receber o convite para participar do desafio. “Foi à primeira vez que eu participei do desafio e para mim, a sensação foi muito boa em saber que um gesto pequeno como esse estaria ajudando muito o Hospital. Agradeço pela confiança depositada em mim”, ressaltou.

Toda a doação recebida será usada para custear o tratamentodos milhares de pacientes que passam pela Fundação. “A instituição preza acima de tudo pela qualidade do tratamento oferecido e mantém o mesmo padrão de atendimento que é realizado em Barretos.”, finalizou Camila.