top of page

Educação de SP recebe matrículas de alunos de todas as idades em janeiro


Matrículas podem ser feitas nas unidades de ensino da rede ou no balcão de atendimento do Poupatempo até o fim do mês; as aulas começam no dia 15 de fevereiro


Pessoas de todas as idades que estão fora da escola e desejam voltar a estudar neste ano podem se matricular nas mais de cinco mil unidades de ensino do Estado de São Paulo. As inscrições podem ser realizadas também nas unidades que oferecem a Educação de Jovens e Adultos (EJA) ou em um dos Centros Estaduais de Educação de Jovens e Adultos (CEEJAs).


Para se matricular, o responsável legal ou maior de 18 anos pode realizar a inscrição presencialmente em qualquer escola estadual ou no balcão de atendimento do Poupatempo, apresentando RG, histórico escolar e comprovante de residência.



No ano passado, a rede estadual recebeu estudantes de até 90 anos. Os interessados nas aulas dos CEEJA ou da EJA dos anos finais do Ensino Fundamental ou Ensino Médio podem apresentar documento de próprio punho informando o endereço e comprovante de escolaridade, em caso de ausência do histórico escolar.


A diretora do Departamento de Planejamento e Gestão da Rede Escolar e Matrícula, Janaína Magro destaca que nunca é tarde para voltar para a sala de aula e aprender. "Nossas escolas estão de portas abertas para quem tiver interesse em voltar aos estudos. As inscrições continuam até o fim do mês de janeiro e as aulas começam no dia 15 de fevereiro", ressalta.


Os jovens e adultos que não tiveram a oportunidade de iniciar ou concluir os ensinos Fundamental ou Médio na idade adequada podem concluir os estudos por meio da EJA ou do CEEJA. Na EJA, é possível concluir tanto o Ensino Fundamental quanto o Ensino Médio. São aulas presenciais de segunda à sexta-feira. Os alunos precisam ter pelo menos 15 anos para cursar o Ensino Fundamental, e 18 anos para o Ensino Médio.


Já no CEEJA, a carga horária é mais flexível e dá oportunidade a alunos com mais de 18 anos. No Centro, o estudante recebe o material de ensino no ato da matrícula e é orientado a criar um plano de estudos. O aluno não é obrigado a frequentar o centro todos os dias, mas pode frequentar a unidade sempre que sentir necessidade para tirar dúvidas com os professores.

Comentários


bottom of page