Abra reafirma voto contrário e anuncia que vai à justiça para barrar aumento do IPTU


O vereador Tiago Abra usou o seu Facebook para reafirmar que é contra o Projeto de Lei Complementar 24/2017 que aumentou o valor cobrado pelo IPTU em 22,07%. Junto com um texto, o parlamentar postou um vídeo com o seu discurso contrário à proposta. “Estou postando o link do vídeo do meu discurso e sugiro que assistam, pois está bem claro o meu posicionamento contra o projeto do aumento do IPTU e contra a atitude do senhor prefeito Flá Prandi”. Segundo ele, no momento da votação, o presidente Vagner Celis (Pintinho) não viu a sua manifestação e registrou seu voto de forma equivocada. Porém, logo a seguir, explicou, foi até a Mesa Diretora pedir a retificação, que, porém, não foi aceita. “De forma veemente e dura, fui até a mesa e pedi que fosse feita a reconsideração do meu voto, o que pode ser visto no vídeo da sessão. Até porque, eu já havia me manifestado de forma clara e objetiva”.

O vereador informa na postagem que pediu ao procurador jurídico que fizesse um termo de retificação imediatamente. O documento consta da Ata da Sessão e está reproduzido na postagem, além de disponibilizada no site da Câmara. “Tudo isso para que não restassem dúvidas sobre o meu voto contrário”. Em letras maiúsculas, para frisar seu posicionamento, Tiago escreveu: “JAMAIS VOU ME POSICIONAR CONTRA A POPULAÇÃO PARA BENEFICIAR QUEM QUER QUE SEJA. E TAMBÉM NÃO VOU ME CURVAR A QUALQUER TIPO DE PRESSÃO!”

O vereador anunciou que vai acionar a justiça para tentar barrar o aumento. A ação terá como base o suposto atropelo nos trâmites, que não teriam respeitado o Regimento Interno, e a falta de justificativa para o índice proposto, já que atualmente o país vive índices inflacionários abaixo de 10% do que reajuste proposto pelo prefeito. Por fim, ele sugere aos cidadãos que “compareçam às sessões” para acompanhar o posicionamento de cada vereador, sem depender de relatos de terceiros.

LEIA A POSTAGEM NA ÍNTEGRA:

AUMENTO DE IPTU - VAMOS AOS FATOS

Estou postando o link do vídeo do meu discurso e sugiro que assistam, pois está bem claro o meu posicionamento contra o projeto do aumento do IPTU e contra a atitude do senhor prefeito Flá Prandi. Pois bem, na hora de votar o presidente disse não ter visto manifestação de minha parte. Então, de forma veemente e dura, fui até a mesa e pedi que fosse feita a reconsideração do meu voto, o que pode ser visto no vídeo da sessão. Até porque, eu já havia me manifestado de forma clara e objetiva. Sendo essa uma votação de grande importância, é necessário que se tenha bom senso, o que não aconteceu. Pedi então ao procurador jurídico que fosse feito um termo de retificação (foto), e protocolei de imediato. Essa atitude consta na ata da sessão, disponibilizada no site (foto). Tudo isso para que não restassem dúvidas sobre o meu voto contrário. Acontece que algumas pessoas do grupo político que está no poder, na ânsia de mudar o foco do senhor prefeito, que não deu nenhum esclarecimento público sobre o fato, simplesmente se escondeu, deram grande publicidade ao fato, que já havia sido devidamente esclarecido com o voto por escrito e pela minha manifestação no momento. O fato é que mesmo com meu discurso e o voto contrário, o projeto foi aprovado, e todos os jalesenses vão sentir em janeiro o peso do aumento nos seus bolsos. Tenho plena consciência de que sou uma voz sozinha nesse projeto e em tantos outros. Como última cartada contra essa atitude abusiva do prefeito, vou acionar a Justiça para tentar derrubar esse aumento. JAMAIS VOU ME POSICIONAR CONTRA A POPULAÇÃO PARA BENEFICIAR QUEM QUER QUE SEJA. E TAMBÉM NÃO VOU ME CURVAR A QUALQUER TIPO DE PRESSÃO! Grande abraço e compareçam nas sessões.