ACIJ vê cancelamento da Facip como a melhor solução


A decisão do prefeito Flávio Prandi Franco de não realizar a Facip este ano com recursos do município foi bem recebida pela Associação Comercial e Industrial, diante da situação vivida não apenas em Jales, mas em quase todos os municípios, como muitos que estão cancelando carnaval e outros eventos com recursos próprios, como destacou o presidente em exercício da entidade Antônio José da Cruz.

Um momento de dificuldades como este, segundo Cruz, exige que os poucos recursos sejam aplicados em serviços fundamentais. Nesse sentido, está correta a posição do prefeito em não gastar com a festa, quando se inicia uma nova administração e as necessidades são outras.

O vice-presidente da ACIJ, Toninho Cruz - Jales Notícias

Alguns segmentos do comércio, como afirmou acabam perdendo, como os comerciantes que expõem seus produtos, inclusive no próprio Pavilhão da ACIJ, ou que vendem artigos voltados para a festa. As entidades assistenciais deixam de ter uma renda extra para ajudar cobrir suas despesas e a cidade também deixa de ter o destaque regional proporcionado pelo seu maior evento. Mas mesmo assim, não fazer a festa com recursos do município foi a melhor decisão, na sua avaliação.

Diante dessa situação, o presidente em exercício da ACIJ acredita que chegou o momento da Prefeitura incentivar eventos menores que atraem o público regional, como campeonatos de várias modalidades, além de encontros como de motos, aeromodelismo, Motocross, gaiolas, aéreos e competições como os próprios jogos regionais que conseguem bons resultados para o município, trazendo recursos e movimentando o comércio.