Caminhoneiro de Urânia é morto durante assalto na grande São Paulo


O caminhoneiro Flavio Gatto, de 40 anos, morador de Urânia, foi morto no final da tarde de sexta feira, por volta das 17 horas, na grande São Paulo. Ele foi vítima de um assalto quando estava no Rodoanel, em Cotia. O crime chocou a cidade. Flávio era bastante conhecido.

Segundo informações, ele levava uma carga de adubo que foi carregada em Cubatão, e seguia com destino ao Mato Grosso, quando foi interceptado e morto por ladrões.Flário teria reagido e sido baleado no peito.

Ele deixa esposa e filha

Seu corpo chega hoje a Urânia.