Todos os direitos reservados .Todo o conteúdo, incluindo texto,fotos e áudios,protegido pela Lei Federal 9.610 de 19 de fevereiro de 1998 e pela "Declaração de Hamburgo". Autorizada reprodução desde que citada a fonte.

Contato (17) 99628-5171

ou alexandreribeiro.carioca@gmail.com

Jales despenca em ranking Ambiental do Programa do Município VerdeAzul

December 12, 2016

O município de Jales aparece na 405ª colocação no ranking Ambiental do Programa do Município VerdeAzul (PMVA), com 10,79. O município perdeu 127 colocações em relação ao ranking divulgado no ano passado, quando ocupava a 278ª posição com a nota 46,79. Em 2014 Jales ocupava a 157ª colocação com a nota 74,19.

O município de Jales já vinha perdendo fôlego no ranking Ambiental do Programa do Município VerdeAzul (PMVA) desde 2012, último ano do governo de Humberto Parini (PT). Naquele ano, o município ficou na 103ª posição com a nota 83,16. Já estava fora dos 100 municípios certificados para receber verbas estaduais relacionados ao meio ambiente. Em 2013, primeiro ano de Nice Mistilides frente à Prefeitura, Jales perdeu 72 posições caindo para a 175ª colocação, recebendo a nota 67,0. Em 2014 deu uma melhorada no ranking e ficou com a 157ª posição e a nota 74,19 mais ainda fora do ranking dos 100 municípios certificados.
 

 


Em 2015 e 2016, as posições de Jales no ranking foram desastrosas com as posições 278ª e 405ª. Essas quedas de posições estariam relacionadas com os problemas dos resíduos sólidos que Jales está enfrentando nos últimos anos. A futura administração Flá/Garça que assumirá a gestão do município deverá tomar sérias providências a respeito sob pena de Jales ir parar na lanterna do ranking Ambiental do Programa do Município VerdeAzul (PMVA) o que seria desastroso e vergonhoso – como já o é – para o município. 

 

O Programa – Lançado em 2007, pelo Governo do Estado de São Paulo, por intermédio da Secretaria de Estado do Meio Ambiente, o Programa Município VerdeAzul (PMVA) tem o propósito de medir e apoiar a eficiência da gestão ambiental.

As ações propostas pelo PMVA compõem as dez diretivas norteadoras da agenda ambiental local, abrangendo os seguintes temas estratégicos: Esgoto Tratado, Resíduos Sólidos, Biodiversidade, Arborização Urbana, Educação Ambiental, Município Sustentável, Gestão das Águas, Qualidade do Ar, Estrutura Ambiental e Conselho Ambiental.

 

O ciclo contou com 317 cidades, que apresentaram seus relatórios finais, com as ações ambientais realizadas, e destes, 78 municípios (25%) foram certificados, com uma pontuação superior a 80,0.

Ranking Ambiental 2016

 

Classificação Município Nota

 

1 Novo Horizonte 98,69

2 Botucatu 98,11

3 Jundiaí 97,45

4 Catanduva 97,38                                       

Votuporanga 97,38

5 Bragança Paulista 96,81

6 Cerquilho 95,94

7 Sorocaba 95,25

8 Franca 94,50

9 Itapira 93,98

10 Lençóis Paulista 93,87

60 Rubineia 81,70

73 Estrela d`Oeste 80,28

102 Fernandópolis 75,35

114 Santa Clara d´Oeste 72,64

162 Populina 57,77

165 Santa Rita d´Oeste 57,29

230 Aparecida d´Oeste 43,16

241 Urânia 40,08

325 Aspásia 18,06

332 Três Fronteiras 17,44

336 Palmeira d´Oeste 16,32

340 Vitória Brasil 16,03

341 Dirce Reis 15,96

342 Santa Fé do Sul 15,82

347 Dolcinópolis 15,45

351 Mesópolis 15,13

355 Santana da Ponte Pensa 14,60

399 Nova Canaã Paulista 10,86

403 São Francisco 10,80

405 Jales 10,79

416 Paranapuã 10,71

423 Santa Salete 10,62

436 Turmalina 10,53

437 Santa Albertina 10,50

480 Pontalinda 9,31

 

Please reload

AVCC promove tradicional Bazar de Natal na próxima semana

Procon e Iamspe passam a ocupar ocupar camarins do Teatro Municipal

Prefeito parcela repasses atrasados com o IMPS em 36 vezes

TCE-SP aprova contas municipais, mas critica falta de planejamento, transparência e até descumprimen...

1/3
Please reload