Servidores Municipais de Jales terão aumento real de 1,29%


Os servidores públicos de Jales e o prefeito Flávio Prandi Franco, o Flá (DEM), fecharam acordo coletivo em torno do reajuste salarial da categoria. O acordo foi fechado durante assembléia realizada no fim da tarde desta quinta-feira, 8 de fevereiro, na Câmara Municipal, na qual os servidores públicos de Jales aceitaram a proposta 3,5% de reajuste salarial. O índice é 1,29% acima da inflação no ano passado, que foi de 2,21%, segundo o IPCA, índice oficial do Governo Federal. Também houve aumento do valor pago no vale alimentação, que subiu de R$ 210,00 para R$ 245,00.

A negociação foi conduzida pelo vice-presidente do Sindicato dos Servidores Municipais, Jorge Luis, que informou que o presidente José Luis Francisco estava em Rio Preto para tratamento de saúde.

A negociação foi tranqüila, mas os servidores recusaram a proposta inicial do prefeito que era de 3% de reajuste salarial e aumento de R$ 35,00 no vale alimentação, que chega a R$ 245,00.

Segundo o prefeito, o impacto na folha de pagamento será de aproximadamente R$ 2,6 milhões no fim de 2018, praticamente absorvendo o acréscimo de arrecadação previsto com a correção do valor venal dos imóveis. “Existe uma previsão em relação ao aumento da arrecadação que chega exatamente a esse valor do aumento dos servidores. Mas é uma expectativa é pode não vir. Se vier, estamos seguros que conseguimos pagar os servidores, mas não dá pra prever os outros impostos”.

O prefeito lembrou que o reajuste terá impacto direto no limite legal de 52%, que a folha de pagamento deve ter sobre a arrecadação municipal. Atualmente, esse percentual está em cerca de 45%, mas deve subir para 48% com o reajuste e a chegada de 150 servidores aprovados em concurso recente e que ainda não tomaram posse.