IGBE realiza processo seletivo com 23 vagas para Jales e Paranapuã


O IBGE(Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) lançou na última segunda-feira, 24, o segundo edital de processo seletivo simplificado para o Censo Agropecuário2017. São mais 24.984 vagas para níveis fundamental e médio, em cerca de quatro mil municípios. Entre eles, Jales e Paranapuã. As inscrições serão feitas apenas pela internet, no site da Fundação Getúlio Vargas (no link http://www.fgv.br/fgvprojetos/concursos/ibge-pss) e estarão abertas até as 23h59 do dia 23 de maio. Os editais podem ser consultados no portal do IGBE (http://www.ibge.gov.br).

No momento da inscrição o candidato fará a opção para a função e o local onde quer trabalhar e realizara as provas.

A área de atuação das agências do IBGE foram divididas em Subáreas e essas Subáreas, divididas em Áreas de Trabalho. A Subárea de Jales é composta pela Área de Trabalho de Jales, que inclui a cidade sede, Dirce Reis, Pontalinda, Santa Salete, São Francisco e Urânia, e a Área de Trabalho de Paranapuã, que inclui a cidade sede, Aspásia, Dolcinópolis, Mesópolis, Populina, Turmalina e Vitória Brasil.

A jornada de trabalho dos Agentes Censitários será de 40 horas semanais. Além das remunerações mensais específicas, ambas as funções terão direito a auxílio alimentação, férias e 13º salário proporcionais. Já os Recenseadores terão jornadas flexíveis e serão remunerados por produção, segundo a região em que estiverem atuando e o número de estabelecimentos agropecuários recenseados.

De acordo com o coordenador da Subárea de Jales, José Vitorino de Souza, a remuneração do recenseador será definida conforme a sua produção, ou seja, será contada com base na quantidade de setores que ele visitar. Jales, por exemplo,tem 11 setores rurais e Pontalinda tem três setores. “A quantidade de setores varia conforme a área do município”, disse.

O Censo Agropecuário pretende investigar detalhes como a quantidade, o tipo de produção e as demais características. “A investigação será focada apenas na produção rural,como as lavouras temporárias, permanentes, as culturas e a sua evolução”.

Desde 2007, o IBGE não realiza um Censo Agropecuário e a investigação se tornou prioritária, ao contrário do Censo Demográfico geral, que só será realizado em 2020.

Outras informações podem ser obtidas na Agencia do IBGE em Jales ou pelos telefones (17) 3632-1602 e (17) 3621-2788.