Prefeito confirma cancelamento da Facip 2017


Como o site Jales Notícias adiantou há três dias (VEJA AQUI), a prefeitura de Jales não vai realizar a Facip 2017. O motivo é a falta de verbas para reformar o recinto de exposições Juvenal Giraldelli, onde o evento é realizado.

Flá anunciando o cancelamento da Facip 2017 - Jales Notícias

Segundo levantamento dos engenheiros da prefeitura, inicialmente seriam necessários R$ 300 mil para deixar o recinto em condições de receber a festa. Os camarotes, que estariam em risco de desabar, consumiriam boa parte desse valor, mas ainda são necessárias reformas em outros setores.

Ouça a explicação do prefeito

Veja nota distribuída pela Secretaria de Comunicação

O prefeito Flávio Prandi Franco se reuniu com membros da imprensa de Jales e região na manhã de quinta-feira, 2 de fevereiro, para anunciar oficialmente que a 47° FACIP não será realizada devido a questões financeiras.

Em seu discurso, Flá relatou que a princípio a ideia era a Prefeitura Municipal assumir a organização da feira, utilizando o dinheiro da venda de mesas e camarotes para pagar os shows, com arquibancadas gratuitas para a população. Porém com problemas de infraestrutura, os camarotes precisariam de reparos, tendo um gasto inicial de R$ 300 mil.

Em relação à terceirização, o prefeito explicou que consultou vários empresários da cidade e que eles alegaram não conseguir fazer o evento sem o apoio financeiro da atual administração.

“Hoje a cidade está dizendo que não dá fazer a FACIP, nós estamos tentando diminuir as despesas para voltarmos a investir no nosso município. Assumir o compromisso hoje de executar a feira sem a verba necessária é tirar dinheiro da educação, da assistência social, da saúde e principalmente das obras de recape”, afirmou o chefe do executivo em sua fala.

Flá Prandi ressaltou ainda que sua gestão quer mostrar seriedade e compromisso com o dinheiro público e que será feito um novo calendário, com uma programação voltada aos jovens, sem onerar a municipalidade.

Além dos representantes dos meios de comunicação, o comunicado contou ainda com a presença do vice-prefeito José Devanir Rodrigues, o Garça, o ex-prefeito, Pedro Manoel Callado Moraes, o presidente da Câmara, Vagner Selis, vereadores, secretários e servidores.