73% das tentativas de suicídio são cometidas por mulheres


Nada menos que 14 das 19 pessoas que tentaram suicídio nos últimos meses na região são mulheres. O sexo feminino concentra metade dos casos consumados. Os números são da Delegacia Secional de Polícia e se referem aos casos registrados nos 22 municípios sob a sua jurisdição entre o começo de agosto e o dia 6 de outubro. O período coincide com a campanha Setembro Amarelo realizada para prevenir o suicídio. No mesmo período houve quatro casos consumados na região. Dois em Jales e dois em Santa Fé do Sul.

O balanço feito pela Seccional a pedido do jornal A Tribuna mostra que a própria residência é o local escolhido pela grande maioria dessas pessoas. 18 delas atentaram contra a própria vida em sua casa. O motivo para a maioria (9 delas) foi “comportamento depressivo”. Desentendimento familiar motivou três tentativas e a dependência química motivou uma tentativa. Outros ainda não tinham sido determinados.

O estado civil das vítimas se mostrou indiferente. 7 são solteiros e 7 em situação marital (casados ou conviventes).

Delegado Seccional Charles de Oliveira

Jales, provavelmente por ser a maior cidade da Seccional, concentra a maioria dos casos (13 tentativas), seguida por Santa Fé do Sul (2 casos). Situação que se repete no balanço de casos de tentativa registrados entre janeiro e outubro. Das 63 tentativas registradas no período, 30 (ou 48% do total) aconteceram em Jales. Santa Fé do Sul registrou 23 (36,5% do total).

43% aconteceram à noite e 27% escolheram a quarta-feira para cometer o ato.

Entre janeiro e outubro a região registrou 14 casos consumados. 50% de Jales. 43% à noite e 28,5% numa sexta-feira.

De acordo com o delegado seccional, Charles Wistom de Oliveira, os números podem auxiliar no trabalho de prevenção que, segundo ele, precisa ser feito de forma coordenada entre toda sociedade. “Órgãos de segurança, assistência social, igrejas e todos os outros podem contribuir para reduzir essa situação que é preocupante”.