Justiça aceita pedido de impugnação de regina, em Populina


O juiz da 302ª Zona Eleitoral, Fabiano da Silva Moreno, acatou o pedido de impugnação ao registro de candidatura de Maria Regina Salmazo Custódio, feito por Adauto Pinto, o “Adauto Severo” (PPS), adversário de “Regina” nas eleições e impugnou a candidata.

Em contato com membros da Coligação ‘“Esperança e Paz’ Dias melhores Virão” a reportagem de “O Extra.net” confirmou que a ex-prefeita Regina deve protocolar em seu pedido de renúncia, indicando a vereadora Sueli Amaral (DEM) em seu lugar, permanecendo Miro (PSC), como candidato a vice.

No pedido de impugnação, Adauto Severo cita que a pré-candidata é inelegível, pois teve as contas anuais dos anos de 2006 e 2007 julgadas irregulares pelo Tribunal de Contas e rejeitadas pela Câmara Municipal.

Com base no parecer do Ministério Público Eleitoral, o juiz julgou procedente o pedido de impugnação e indeferiu o registro de candidatura de Regina.

No site do TSE, a candidata aparece com a classificação "renúncia". Adauto Pinto figura como deferido e Suely Nogueira de Assis Amaral figura como "aguardando julgamento".