Mulher grávida é primeira vítima da Chikungunya em Votuporanga


Aedes Chikungunya - Jales Notícias

A Secretaria de Saúde de Votuporanga confirma o primeiro caso de Chikungunya no município. Trata-se de uma mulher de 26 anos que, na ocasião, estava na 26ª semana de gestação e apresentou dor de cabeça e manchas vermelhas pelo corpo (exantema). Cumprindo protocolo da Secretaria de Saúde do Estado de São Paulo, foram coletadas amostras de sangue e urina e encaminhadas ao Instituto Adolfo Lutz, onde foram descartadas as suspeitas de Dengue e Zika, porém com resultado positivo para Chikungunya.Destaca-se que os sintomas apresentados pela paciente não eram os sintomas clássicos da Febre Chikungunya. Mãe e criança, já nascida, passam bem.

Vale ressaltar que o Setor de Controle de Endemias e Zoonoses (Secez) tomou todas as medidas antes mesmo da confirmação do caso. O Secez promove ininterruptamente ações de controle ao Aedes Aegypti, dentre elas, destacam-se: bloqueio de criadouros nos casos suspeitos de dengue, Zika e Chikungunya; bloqueio com nebulização em casos positivos; bloqueio de nebulização ambiental nas áreas do bairro; realização de visitas em pontos estratégicos; visitas em imóveis especiais; atendimento a notificações e realização de visitas casa a casa.

O Setor promove ainda atividades de comunicação e mobilização nas escolas municipais e privadas, treinamento de agentes comunitários e endemias no controle e orientação sobre a dengue; bem como parcerias com igrejas e clubes de serviços para a divulgação das doenças transmitidas pelo Aedes.

Prevenção A melhor forma para se combater a dengue, o chikungunya e o zika vírus, é eliminando os focos de acúmulo de água, locais propícios para a criação do mosquito Aedes Aegypti. Por isso, é necessário:

- Manter bem tampados: caixas, tonéis e barris de água;

- Colocar o lixo em sacos plásticos e manter a lixeira sempre bem fechada;

- Não jogar lixo em terrenos baldios;

- Guardar garrafas de vidro ou plástico e mantê-las sempre de boca para baixo;

- Não deixar água de chuva acumulada sobre a laje;

- Encher pratinhos ou vasos de planta com areia até a borda;

- Ao guardar pneus velhos em casa, retire toda a água e mantenha-os em locais cobertos, protegidos da chuva;

- Limpar calhas com frequência, evitando que galhos e folhas possam impedir a passagem da água;

- Lavar vasos de plantas aquáticas com água e sabão, toda semana.