Operação da PF combate tráfico de drogas por perfis em rede social em Santa Fé do Sul e Rio Preto

A Polícia Federal deflagrou nesta quarta-feira (14/7) a Operação Green Net com a finalidade de combater o tráfico de drogas desenvolvido principalmente através de perfis mantidos na rede social Instagram. Cerca de 70 policiais federais cumprem 17 mandados de busca e apreensão em 3 Estados nas cidades de São José do Rio Preto/SP, Santa Fé do Sul/SP, Rio Claro/SP, Praia Grande/SP, Campos do Jordão/SP, São Paulo/SP, Contagem/MG e Almirante Tamandaré/PR, todos expedidos pela Justiça Estadual em São José do Rio Preto/SP.

A Justiça Estadual de São José do Rio Preto/SP, atendendo pedido da Polícia Federal, também determinou o bloqueio de cinco perfis mantidos no Instagram, utilizados com a finalidade de comercializar drogas e que funcionavam como verdadeiras “bocas de fumo virtuais”. Segundo as investigações, pelo menos desde o ano de 2019, perfis mantidos na rede social eram utilizados para a livre comercialização de maconha híbrida de alto valor agregado, cuja grama da droga chegava a custar R$ 150,00, sendo a entrega realizada por meio dos Correios. Por outro lado, as investigações identificaram um núcleo de pessoas em São José do Rio Preto/SP que adquiria a droga com a finalidade de revenda a terceiros. Os investigados poderão responder, na medida de suas responsabilidades, pelos crimes pelos crimes de tráfico de drogas e de associação para o tráfico, os quais são previstos nos artigos 33 e 35 da Lei 11.343/06, cujas penas somadas variam de 8 a 25 anos de reclusão. Durante a realização das buscas foram apreendidas drogas e dinheiro em alguns locais e os responsáveis estão sendo conduzidos à Delegacia da Polícia Federal para adoção das medidas de polícia judiciária cabíveis. A denominação da operação, Green Net, foi dada em razão de “green” significar “verde” em inglês, referência à coloração característica da maconha, e “net” pelo fato de a comercialização da droga se dar preponderantemente no âmbito virtual da internet.