Em resposta a vereadores, prefeitura informa que CEO conta com oito profissionais


Os vereadores Andrea Moreto (Pode) e Bruno de Paula (PSDB), em Sessão Ordinária, apresentaram um requerimento questionando a Prefeitura por qual motivo o Centro de Especialidades Odontológicas (Ceo) teve a classificação alterada de 2 para 3.

Os vereadores solicitaram que a Prefeitura informe por qual motivo não havia atendimento no Ceo, quantos profissionais atuavam no Centro, se alguma UBS fazia atendimento dessa especialidade, entre outras questões.

Em resposta ao requerimento, a Prefeitura, através da diretoria do Ceo informou que a reclassificação foi feita devido a baixa demanda. O Ceo não estava conseguindo alcançar as metas de Ceo 3, e para não perder a verba, o Consirj solicitou a reclassificação para Ceo 2.

Idosa recebendo prótese dentária

Segundo o diretor, o Ceo está realizando atendimentos, no entanto, reduziu a quantidade de pacientes e aumentou a quantidade de procedimentos, de acordo com o protocolo enviado pela Diretoria Regional de Saúde.

No Ceo há oito profissionais, quatro deles atuam em endodontia (Maurício, Fabrício, Livia e Carolina), dois em cirurgia (João e Cláudia), um em periodontia (Kerlyn) e um em paciente especial (Marcia). Os dentistas são fornecidos por empresa terceirizada e têm carga horária de 4 horas. O Ceo ainda conta com quatro funcionários da Prefeitura, dois estagiários e outros três funcionários do Consirj.

Os requerimentos e respostas ficam disponíveis na página da Câmara Municipal (www.jales.sp.leg.br).